Empresa

Conheca mais sobre a Macacari e a história da empresa.

 
   
Nossa História

Surgimento da Empresa Auto Ônibus Macacari Ltda.

 

.....Tendo como base a família, nascia, há 45 anos, a hoje “Empresa Auto Ônibus Macacari Ltda”. ...

...............Nos idos de 1960, o filho mais velho do casal Adelino Macacari e Maria Volpato Macacari,- Laurindo-, era então motorista do único ônibus, que percorria a linha intermunicipal entre as cidades de Jaú e Dois Córregos, passando por Mineiros do Tietê. Quis o destino (aí entenda-se os desígnios do Senhor Deus), que os proprietários do velho ônibus, e detentores da permissão da linha acima referendada, decidissem se mudar para a metrópole de São Paulo -capital, permitindo com isso,a compra
da referida “linha de ônibus”, fato que só foi possível, pela injeção de recursos financeiros do patriarca da família, Sr. Adelino Macacari.

   
.....Tendo então à frente, o filho mais velho - Laurindo -, logo a “empresa” passou a requerer maiores atenções, pois a expansão e o progresso vieram a passos largos. Assim, foram-se somando esforços por parte da ala masculina da família, com a participação ativa e operosa de todos os filhos do patriarca Adelino: - Avelino, Antonio, José Reinaldo e Dionísio. Estava assim firmada a união da família, para a concretização de um sonho: “trabalhar incansavelmente para alcançar sucesso
e progresso cada vez maior, servindo cada vez mais e melhor os usuários de sua “linha de auto ônibus”.

Mais tarde, ocorreu a criação do que seria o embrião do transporte coletivo urbano; ou seja, uma linha urbana que percorria o trecho único e específico entre o Mercado Municipal e a Estação Ferroviária – antiga FEPASA -, com o objetivo de oferecer transporte coletivo aos passageiros que chegavam e partiam de Jaú, via transporte ferroviário, pois até então, haviam apenas os táxis, ou “carros de aluguel” – como eram chamados na época – para atender a tais passageiros (a um cus-
 
to muitas vezes maior que o do transporte coletivo por ônibus)

   
.....Em meados de 1966, na gestão do então prefeito do município de Jaú, o saudoso Sr. Décio Pacheco de Almeida Prado, foi implantado o definitivo transporte coletivo urbano em nossa cidade, batizado honrosamente de “Circular Cidade de Jaú”. Com poucos e modestos ônibus (mas desde sempre primando pela pontualidade, asseio e principalmente respeito ao usuário), também não foi nada fácil o desafio lançado aos empreendedores de poucos recursos financeiros, porém fartos em arrojo,
destreza, e vontade de vencer; e vencer pela força do trabalho, da dedicação incansável, e da fé Naquele que estava proporcionando tudo aquilo - o Criador -.

.....Com recursos poucos, os primeiros meses da nova empreitada foram deveras desanimadores, pois Jaú ainda era uma cidade de pequeno porte, as pessoas não estavam acostumadas a se utilizar dos ônibus circulares, tudo estava perto de todos, e os coletivos circulavam praticamente vazios na imensa maioria do tempo. Não bastasse isso, havia naquela época, uma enorme resistência por parte dos “motoristas de praça” (como eram comumente chamados os taxistas), os quais faziam de tudo para que os ônibus urbanos implantados “não vingassem”, por entenderem que estes estariam subtraindo seus passageiros.

.....A luta era enorme e árdua. Não fosse a persistência, a determinação, o arrojo dos proprietários daquela pequena empresa de ônibus, o transporte coletivo por ônibus na cidade de Jaú, certamente teria ficado para ser implantado muitos anos mais tarde.

   
.....Passados os piores momentos, a Empresa Macacari, já tendo se firmado como transportadora da linha intermunicipal entre as cidades de Jaú e Dois Córregos (via Mineiros do Tietê), e tendo conquistado a confiança do usuário do transporte urbano de Jaú, passou a operar também as linhas intermunicipais entre Barra Bonita e Dois Córregos, passando por Mineiros do Tietê, Jaú - Dois Córregos (Via Guarapuã), adquirindo posteriormente a Viação Vale do Tietê, passando a fazer parte da Empresa
da família Macacari, que opera nas linhas também intermunicipais entre as cidades de Jaú e Itapuí, e Jaú - Boracéia, firmando-se assim, como uma das respeitadas empresas de transporte de passageiros da região de Jaú.

.....Em 30 de Janeiro de 1982, por solicitação do poder público municipal jauense, assim como por grande parte dos moradores do Distrito de Potunduva, foi implantada a linha municipal de auto ônibus entre a cidade de Jaú, e o referido distrito municipal, que já nasceu com farta opção de horários, para maior conforto dos usuários residentes no bairro de “Airosa Galvão”, como também é conhecido.

.....Com o ramo de atividade em franca expansão, em virtude, dentre outros, da confiança e respeito adquirido pelos seus usuários, iniciou-se nova fase, porém sempre voltada àquilo a que sempre se propôs: o transporte de pessoas. Surgia então um novo seguimento da já não tão modesta empresa. O transporte de passageiros voltado para o setor de turismo.

.....Investimentos de vulto foram efetuados, para a aquisição daquilo que de mais moderno havia à disposição no mercado da época, em termos de ônibus confeccionados exclusivamente para o turismo.

.....Para que a legislação sobre transportes turísticos rodoviários fosse cumprida, assim como o atendimento aos seus clientes de forma personalizada e eficaz, foi criada na época, uma agencia de turismo, batizada “Mactur” - Macacari Turismo Ltda., com o propósito de oferecer aos seus usuários, todo o tipo de serviço turístico, quer seja: rodoviário, aéreo, marítimo, reservas de hotéis no Brasil e exterior, e tudo o mais que uma agencia de viagens e turismo pode oferecer.

.....Em 1974, a empresa adquiriu uma unidade do ônibus modelo “gaivota”, da encarroçadora Caio, veículo esse que chamava a atenção de todos por onde passava, pois tratava-se de um modelo quase que futurista, pelo arrojo do design que este apresentava. Veículo esse, que ainda faz parte da frota desta empresa, tendo passado, evidentemente, ao longo desses 30 anos, por várias reformas, mantendo-se sempre, suas características originais. Segundo informações do fabricante, muito provavelmente existem hoje no país todo, menos de uma dezena apenas, desse veículo, em plenas condições de funcionamento e utilização.

.....Com a constante filosofia de manter-se sempre à vanguarda no setor de transportes de passageiros, a já plenamente estruturada empresa Macacari, adquire em meados de 1976, outro ícone, em termos de ônibus de turismo, batizado pelo fabricante de “Metropolitana”, ônibus que fez também o maior sucesso na sua época, pelo igualmente arrojo de suas linhas.

   
.....Desencadeou-se então, a aquisição de vários outros veículos destinados exclusivamente ao transporte turístico, como o não menos atraente e famoso “corcovado”, seguidos posteriormente pelos “diplomatas”, até o ingresso no mercado de auto ônibus, dos modêlos altos e com 3º eixo na traseira - os Paradisos, da fabricante Marcopolo - até chegar nos dias atuais, com o que há de melhor, a nível mundial, que são os veículos de dois andares, denominados “double deckers”,
compostos de 04 eixos e 10 pneus. Esse tipo de veículo atingiu o ícone do transporte turístico mundial, pelas inovações tecnológicas oferecidas, antes somente encontradas no setor de aviação.

.....Não fugindo de seus princípios, de oferecer sempre aos seus usuários, o que de melhor existe no transporte rodoviário, logo após o lançamento nacional de tais veículos, a Macacari adquiri então, no início de 1998, o seu primeiro veículo “double decker” de 04 eixos, sucesso absoluto junto aos mais exigentes turistas, sendo a pioneira, e até hoje, a única empresa de nossa extensa região, a possuir esse tipo de veículo, exclusivamente para o transporte de turistas.

.....Tanto sucesso conseguido com esse tipo de veículo, fez com que, logo no início de 2002, a inovadora empresa passasse a adquirir mais um veículo desse padrão, dotado de todos os opcionais de conforto e segurança oferecidos pelo fabricante, com o objetivo único de continuar oferecendo aos seus clientes, o que há de melhor (reiterando, a nível mundial) em transporte rodoviário no setor de turismo.

.....Sempre preocupada com o transporte coletivo urbano da cidade de Jaú, procurando reciclar constantemente seus veículos nesse setor - uma vez que a depreciação de veículos utilizados nas áreas urbanas ocorre muito mais rapidamente -, a Macacari passa a adquirir, no final de 2001, sete (07) novos ônibus para esse serviço, sendo cinco (05) destes, dotados de som ambiente, poltronas estofadas, e vidros fumes, do tipo “padron”, para maior conforto de seus passageiros, incorporando ainda em meados de 2003, outros cinco (05) veículos novos idênticos aos anteriores, compra essa que se repetiu em meados de 2005, com a aquisição de outras cinco (05) unidades, sendo todas elas equipadas com elevador para o acesso de pessoas portadoras de deficiência física, em especial os cadeirantes, elevando consideravelmente assim, o número de veículos novos em sua frota urbana.

.....Hoje, a empresa possui uma frota total de cem (100) ônibus, em uma faixa etária bastante baixa; conta com uma equipe de colaboradores diretos de duzentas e cinqüenta (250) pessoas, que juntamente com a diretoria, formam a grande “família Macacari”.

.....Conta ainda com garagens próprias, nas cidades de Jaú, Dois Córregos, e no Distrito de Potunduva, escritórios central e de apôio, em Jaú, sendo que em breve estará inaugurando suas novas e modernas instalações, em uma área nobre de 25.300 metros quadrados na cidade de Jaú, dando assim início ao procedimento para a obtenção da Certificação de Padrão de Qualidade “ISO”.

.....O que dificulta a concretização de um ideal, é a não percepção de que esse ideal que almejamos, já está dentro de nós.

.....Concretizar um ideal, um sonho, é simplesmente exteriorizar aquilo que existe dentro da gente: A família Macacari sempre acreditou na sua capacidade de trabalho, na parceria firmada com o operoso povo da nossa Jaú e região, e cultivou uma fé inabalável nas bençãos que gratuitamente o Pai nos concede todos os dias.

Assim foi e é a “nossa Macacari”.

A empresa que conhece o nosso chão